Petróleo ignora cenário externo e sobe

Os contratos futuros de petróleo registram alta nesta quinta-feira, 6, escapando das preocupações que prejudicaram outros mercados globais nas últimas semanas. Às 10h00, o petróleo para março subia 0,81%, a US$ 98,17 por barril na Nymex. O brent para março estava em alta de 0,68%, a US$ 106,97 por barril na ICE, em Londres.

Agencia Estado

06 de fevereiro de 2014 | 10h08

No começo da tarde de quarta-feira, 5, o Departamento de Energia (DoE, na sigla em inglês) anunciou que os estoques de petróleo dos EUA subiram para 440 mil barris na semana encerrada em 31 de janeiro. Para a equipe de análise do JBC, isso significa que "a situação dos estoques nos EUA está mais apertada que no ano passado". Analistas consultados pela Dow Jones Newswires esperavam uma alta de 2,2 milhões de barris.

A equipe do Commerzbank afirmou que o dado de quarta-feira não trouxe volatilidade ao mercado, mas que os preços podem oscilar com o relatório de emprego a ser publicado nos EUA na sexta-feira, 7.

Com a situação dos estoques mais apertada, não há muito espaço para os especuladores realizarem ganhos. "A apatia do preço do Brent resultou nos participantes do mercado procurando por alternativas, como o spread entre o Brent e o WTI", afirmou a equipe de análise do Commerzbank, em nota enviada a clientes.

A diferença de preço entre os dois barris de petróleo no último flutuou no último ano em uma faixa de US$ 20, mas nas últimas semanas a diferença tem se reduzido e o Brent tem alcançando um desconto de US$ 8 a US$ 9 sobre o WTI. Fonte: Dow Jones Newswires.

Tudo o que sabemos sobre:
petróleoestoquesEUA

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.