Petróleo opera em direções divergentes

Os contratos futuros de petróleo bruto operam em direções divergentes nesta segunda-feira, 28. Enquanto o petróleo do tipo brent avança na ICE após informações de uma série de atentados no Oriente Médio durante o fim de semana, o contrato da commodity negociado na Nymex recuava com a grande oferta de petróleo nos Estados Unidos.

Agencia Estado

28 de outubro de 2013 | 10h25

Vários carros-bomba explodiram em Bagdá, capital iraquiana, no domingo, 27, matando pelo menos 60 pessoas. O riscos geopolítico e especialmente a tensão em regiões produtoras como o Oriente Médio, tende a levar os preços de petróleo para cima. Recentemente, contudo, estas tensões haviam sido ofuscada por outros fatores, disse o analista Ole Hansen, do Saxo Bank.

Mas "o que aconteceu no fim de semana foi um lembrete aos mercados de petróleo de que o prêmio de risco" ainda é possível, afirmou Ole Hansen. O analista acrescentou que o foco deverá se concentrar no Iraque como fonte de risco geopolítico com a chegada de 2014.

Outros analistas dizem que a violência iraquiana não é tão importante para os mercados de petróleo e previram pouca tendência de alta para a commodity.

Já nos EUA, ofertas abundantes de petróleo no país diminuem a possibilidade de os preços subirem, escreveram analistas do Commerzbank. "Qualquer aumento nos estoques de petróleo bruto dos EUA provavelmente colocará nova pressão sobre os preços do petróleo conforme a semana progride, especialmente levando em conta que os riscos geopolíticos" já não são o foco do mercado, disseram eles.

Às 9h42 (pelo horário de Brasília), o petróleo para dezembro negociado na Nymex caia 0,14%, a US$ 97,71 por barril, enquanto o brent com vencimento para o mesmo mês tinha alta de 0,46%, a US$ 107,41 por barril, na plataforma eletrônica ICE, em Londres. Fonte: Dow Jones Newswires.

Tudo o que sabemos sobre:
petróleoOriente Médio

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.