Petróleo opera em queda com alta do dólar

Pressão veio  após a intervenção do Japão no mercado de câmbio para conter a alta do iene

Danielle Chaves, da Agência Estado,

31 de outubro de 2011 | 10h35

Os contratos futuros de petróleo operam em queda, pressionados pela valorização do dólar após a intervenção do Japão no mercado de câmbio para conter a alta do iene. A crise de dívida soberana da zona do euro também continua no foco dos investidores.

Às 10h27 (pelo horário de Brasília) o petróleo WTI para dezembro caía 0,76% na Nymex, para US$ 92,61 por barril, enquanto o brent para dezembro recuava 0,54% na ICE, para US$ 109,32 por barril. Como é uma commodity denominada em dólar, o petróleo torna-se mais caro quando a moeda norte-americana se valoriza.

A diferença entre os preços das duas principais referências para o petróleo diminuiu para quase US$ 16 por barril no começo da manhã, acumulando redução de mais de 40% desde o recorde intradia de US$ 28,07 por barril atingido em 14 de outubro.

O petróleo WTI tem sido sustentado por indicadores macroeconômicos melhores nos Estados Unidos e pelo balanço mais apertado entre oferta e demanda, enquanto o brent vem sofrendo com a prolongada crise de dívida europeia e com um aumento na produção de petróleo no Mar do Norte. As informações são da Dow Jones.

Tudo o que sabemos sobre:
petróleodólarNymex

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.