Informação para você ler, ouvir, assistir, dialogar e compartilhar!
Tenha acesso ilimitado
por R$0,30/dia!
(no plano anual de R$ 99,90)
R$ 0,30/DIA ASSINAR
No plano anual de R$ 99,90

Petróleo recua com previsões de menor demanda global

Os contratos futuros de petróleo despencaram abaixo de US$ 64,00 o barril na Bolsa Mercantil de Nova York (Nymex), fechando em baixa pela sétima sessão consecutiva, em meio a vendas de fundos depois de tanto o Departamento de Energia dos EUA (DoE) quanto a Agência Internacional de Energia (AIE) terem rebaixado suas respectivas previsões de demanda global. Os preços dos futuros de petróleo acumulam uma perda de 9,3% neste mês e estão quase US$ 15,00 o barril abaixo de sua máxima histórica registrada em 14 de julho, com a redução das tensões com relação ao programa nuclear do Irã, aumento dos estoques comerciais de petróleo nos EUA e declaração da Organização dos Países Exportadores de Petróleo (Opep) de que não irá alterar a quantidade produzida. Na Nymex, os contratos de petróleo para outubro fecharam a US$ 63,76 o barril - menor nível desde 27 de março -, em queda de US$ 1,85 (2,82%). A mínima foi de US$ 63,76 e a máxima de US$ 65,75. Os contratos de gasolina para outubro despencaram 425 pontos (2,67%) e fecharam a US$ 1,5521 o galão. "Os fundos estão saindo de todo o complexo de commodities", disse o analista sênior Scott Meyers, da Pioneer Futures em Nova York. "O petróleo está atravessando níveis de suporte e não há notícias de fundamentos para parar o movimento de baixa", acrescentou. O DoE informou que rebaixou sua previsão de demanda global de petróleo para este ano e o próximo em 100 mil barris por dia. Mais cedo, a AIE também havia rebaixado em 100 mil barris/dia suas previsões de crescimento da demanda para 2006. "Os fundamentos são um peso sobre este mercado no momento em que parece que o único caminho é para baixo", disse o operador e analista Addison Armstrong, da TFS Energy Brokers, em Connecticut. Em Londres, no sistema eletrônico da ICE Futures, os contratos de petróleo Brent para outubro fecharam a US$ 62,99 o barril, em queda de US$ 1,56. A mínima foi de US$ 62,79 e a máxima de US$ 65,44. As informações são da Dow Jones.

Agencia Estado,

12 de setembro de 2006 | 17h26

Tudo o que sabemos sobre:
finanças

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.