Petróleo segue firme, mas com alerta de analistas

Os contratos futuros de petróleo oscilam perto dos melhores níveis do dia, impulsionados pelas previsões de que as temperaturas frias vão continuar na região Nordeste dos EUA. Contudo, analistas alertam que esse movimento de alta poderá perder fôlego em breve. "Eu simplesmente não vejo qualquer motivo para imaginar que o petróleo possa subir acima de US$ 55,00 ou cair abaixo de US$ 50,00", disse um analista. Às 15h11 (de Brasília), no pregão viva-voz da Nymex, os contratos de petróleo para março estavam a US$ 55,24 por barril, alta de US$ 1,01, ou 1,86%, de uma máxima no dia de US$ 55,35. No mesmo horário em Londres, na ICE Futures, os contratos de petróleo Brent para março estavam a US$ 55,08 por barril, alta de US$ 0,94, ou 1,74%, de uma máxima no dia de US$ 55,30. As informações são da Dow Jones.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.