Petróleo sobe a US$ 77,45 nas transações eletrônicas

Os contratos futuros de petróleo ampliam a marca recorde nas transações eletrônicos da Bolsa Mercantil de Nova York (Nymex), com os contratos para entrega em agosto subindo pela primeira vez acima de US$ 77,00 o barril, atingindo US$ 77,45 na máxima intraday (registrada durante os negócios) e se aproximando da marca de US$ 80,00 o barril. No fechamento do pregão regular de hoje, os contratos de petróleo para agosto fecharam a 76,70 por barril, em alta de US$ 1,75 (2,33%). "Os operadores provavelmente temem uma escalada adicional dos combates (entre Israel e Líbano) durante a noite", disse o analista Tom Bentz, da corretora BNP Paribas Futures. Analistas da Barclays Capital disseram que o teste dos US$ 80 por barril é "iminente". Às 17h55 (de Brasília), no sistema eletrônico Access da Nymex, os contratos de petróleo para agosto estavam a US$ 77,36 o barril, alta de US$ 0,66 (0,85%). As informações são da Dow Jones.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.