Petróleo sobe com demanda chinesa e temores com Irã

Os contratos futuros de petróleo fecharam em alta moderada hoje na New York Mercantile Exchange (Nymex) e na International Commodities Exchange, de Londres (ICE). Operadores disseram que os investidores, que haviam reduzido posições recentemente, voltaram a comprar os contratos futuros da commodity após a divulgação dos dados da demanda de petróleo na China. Outro fator foi a intensificação da retórica de altos funcionários norte-americanos em relação ao Irã. "O cenário ainda não está claro, mas acho que a tendência de alta continua intacta", comentou o analista Tom Bentz, do BNP Paribas. Na Nymex, os contratos de petróleo bruto para julho fecharam a US$ 72,03 por barril, em alta de US$ 0,66; a mínima foi em US$ 71,90 e a máxima em US$ 72,75. Na ICE, os contratos de petróleo do tipo brent para julho fecharam a US$ 71,05 por barril, em alta de US$ 0,46, com mínima em US$ 70,45 e máxima em US$ 71,99. As informações são da Dow Jones.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.