Petróleo sobe com forte alta da gasolina

Os contratos futuros de petróleo fecharam em alta em Londres e Nova York, ajudados pela acentuada alta dos futuros de gasolina e novas notícias de violência na Nigéria, disseram operadores e analistas. Na New York Mercantile Exchange (Nymex), os contratos futuros de gasolina receberam impulso, em meio às expectativas de queda dos estoques comerciais norte-americanos. Na Nymex, os contratos de gasolina para abril subiram 699 pontos (4,24%), para US$ 1,7201 o galão. Ontem, o Departamento de Energia dos EUA (DOE) informou que os estoques comerciais norte-americanos de gasolina encolheram em 1,1 milhão de barris, para 224,8 milhões de barris na semana passada, quando a taxa de ocupação das refinarias caiu em 2,2 pontos porcentuais, para um nível relativamente baixo de atividade de 83%. O dado elevou os temores de que a reduzida taxa de utilização da capacidade irá reduzir os estoques do combustível quando as refinarias entrarem no período de manutenção, passado os meses de inverno no Hemisfério Norte. Na Nymex, os contratos de petróleo para abril fecharam em US$ 60,47 o barril, alta de US$ 0,45 (0,75%); a mínima foi de US$ 59,55 e a máxima de US$ 60,90. Em Londres, no sistema eletrônico da ICE Futures, os contratos de petróleo Brent para abril fecharam em US$ 61,06 o barril, alta de US$ 1,03. A mínima foi de US$ 59,85 e a máxima de US$ 61,55. As informações são da Dow Jones.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.