Informação para você ler, ouvir, assistir, dialogar e compartilhar!
Tenha acesso ilimitado
por R$0,30/dia!
(no plano anual de R$ 99,90)
R$ 0,30/DIA ASSINAR
No plano anual de R$ 99,90

Petróleo sobe com perspectiva de acordo sobre Grécia

Na ICE, os contratos do petróleo tipo brent para setembro avançavam 1,51%, para US$ 117,80 por barril

Clarissa Mangueira, da Agência Estado ,

19 de julho de 2011 | 11h02

Os preços do petróleo são negociados em alta, impulsionados pela queda do dólar e a perspectiva otimista de que os líderes europeus concordarão com outro pacote de socorro para a Grécia na cúpula que será realizada na quinta-feira.

O petróleo apagou a maior parte das perdas registradas ontem, mas os preços continuam numa faixa estreita sem uma resolução clara para as preocupações sobre a dívida da Europa e dos EUA.

O euro subiu em relação ao dólar, após comentários do membro do conselho diretor do Banco Central Europeu (BCE) Ewald Nowotny de que o banco central pode aceitar um "default seletivo" (moratória seletiva) da Grécia. A queda do dólar torna o petróleo, que é precificado na divisa norte-americana, mais barato para os investidores com outras moedas.

Na Bolsa Mercantil de Nova York (Nymex, na sigla em inglês), os contratos de petróleo bruto para agosto subiam 2,35%, para US$ 98,19 por barril, por volta das 10h45 (de Brasília). Na plataforma ICE, os contratos do petróleo tipo brent para setembro avançavam 1,51%, para US$ 117,80 por barril.

Os operadores receberão mais pistas fundamentais com o relatório do American Petroleum Institute (API) sobre os estoques de petróleo nos EUA, previsto para as 17h30 (de Brasília). As informações são da Dow Jones.

Tudo o que sabemos sobre:
petróleobarrilNymexICE

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.