Petróleo sobe com valorização do euro

Os contratos futuros do petróleo operam em alta nesta terça-feira, sustentados pela valorização do euro, que por sua vez ganha terreno em meio a esperanças de que o Banco Central Europeu (BCE) intervenha para ajudar os países da zona do euro que mais sentem os efeitos da crise atual.

SERGIO CALDAS, Agencia Estado

21 de agosto de 2012 | 08h37

Uma eventual ação do BCE pode estimular as economias da região, gerando, deste modo, maior demanda pela commodity e apetite por ativos arriscados, como é o caso dos futuros de petróleo.

Às 8h25 (pelo horário de Brasília), o contrato do petróleo Brent para outubro subia 0,67%, para US$ 114,46 o barril, na plataforma ICE, em Londres. O contrato do petróleo WTI para setembro, que vence nesta terça-feira, avançava 0,61%, para US$ 96,56 o barril, na New York Mercantile Exchange (Nymex). Já o WTI de outubro estava em alta de 0,63%, a US$ 96,86 o barril.

Segundo Dennis Gartman, da Gartman Letter, o mercado do petróleo está tranquilo esta semana, enquanto os investidores acompanham as ações e o câmbio e observam também a frágil situação da Síria.

O enfraquecimento do dólar, a queda que ocorrerá na produção do Mar do Norte em setembro por causa de atividades de manutenção e as tensões no Oriente Médio tendem a manter os preços do petróleo elevados em um ambiente de baixa liquidez, diz Ole Hansen, chefe de estratégias para commodities do Saxo Bank. Para ele, no entanto, é improvável que o brent supere a barreira dos US$ 115,50 o barril.

Mais tarde, os participantes do mercado vão acompanhar os dados de estoques comerciais de petróleo dos EUA, que o American Petroleum Institute (API) divulgará na tarde desta terça-feira. As informações são da Dow Jones.

Tudo o que sabemos sobre:
petróleoeuroalta

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.