Portugal oferece € 3 bi em bônus de 10 anos; demanda atinge € 13 bi

Portugal determinou em 3 bilhões de euros o tamanho da oferta de bônus de 10 anos denominados em euro que deve ser precificada ainda hoje, segundo um dos bancos que coordena a operação. A demanda atingiu 13 bilhões de euros e o spread (prêmio) é de 140 pontos-base sobre as mid-swaps.

Danielle Chaves, da Agência Estado,

10 de fevereiro de 2010 | 11h45

 

O spread estabelecido é menor do que a orientação anterior, que ia de 145 a 150 pontos-base sobre as mid-swaps. Barclays, Banco Espírito Santo, Credit Agricole, Goldman Sachs e Société Générale atuam como vice-líderes da transação.

 

Portugal - que tem rating Aa2 pela Moody's, A+ pela Standard & Poor's e AA pela Fitch Ratings - vem enfrentando dificuldades para financiar seu déficit orçamentário. As informações são da Dow Jones.

Tudo o que sabemos sobre:
PortugalbônusFitch Ratings

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.