Portugal vende 3 bilhões de euros em bônus de 10 anos

O governo de Portugal vendeu 3 bilhões de euros em bônus de 10 anos, em uma operação coordenada pelo Barclays, Banco Espirito Santo, Credit Agricole, Goldman Sachs e Société Générale. Segundo fontes, a demanda pelos bônus atingiu 13 bilhões de euros. <P>&nbsp;</P><P>Os termos da emissão foram os seguintes: volume de 3 bilhões de euros, com vencimento em 15 de junho de 2020, cupom (juro nominal) de 4,8%, preço de reoferta de 99,841% do valor de face, spread de 140 pontos-base sobre a taxa mid-swaps e yield (taxa de retorno) de 4,823%.</P><P>&nbsp;</P><P>Os bônus soberanos de Portugal possuem classificação Aa2 da Moody&apos;s, A+ da Standard &amp; Poor&apos;s e AA da Fitch. As informações são da Dow Jones. </P><P>&nbsp;</P>

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.