Preços de novas moradias na China sobem menos

Os preços de novas moradias na China continuaram a mostrar desaceleração em março, com a demanda afetada por restrições de crédito e preocupações com descontos, segundo analistas e empresas do setor imobiliário.

Agencia Estado

18 de abril de 2014 | 08h21

O preço médio de novas casas em 70 cidades chinesas subiu 7,32% em março ante um ano antes, segundo cálculos do The Wall Street Journal, feitos com base em dados divulgados hoje pelo instituto de estatísticas chinês. Na comparação com o mês anterior, o aumento dos preços foi de 0,22% em março.

O resultado de março vem após altas anuais médias de 8,19% em fevereiro e 8,98% em janeiro. Até então, os preços vinham se acelerando mês a mês ao longo do ano passado. Fonte: Dow Jones Newswires.

Tudo o que sabemos sobre:
Chinamoradias

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.