Ranking: Alta de volumes registrada no início do ano é mantida

O aumento das vendas registrado pelo setor de cervejas no primeiro trimestre deste ano, que superou as previsões, está sendo mantido no segundo trimestre, segundo o gerente de Relações com Investidores da AmBev, Fernando Tenembaum. Ele informou que as expectativas com relação à Copa do Mundo de Futebol também são positivas, porém ainda não é possível detectar qualquer movimentação neste sentido pois o principal canal de distribuição são os bares, que são abastecidos quase que diariamente. Mesmo assim, a AmBev se diz confiante com o evento esportivo e, internamente, consideram que o mês de junho pode ser o "segundo verão" para a empresa. As apostas também estão sobre os lançamentos de edição especial de frutas do guaraná e de uma nova versão para a cerveja Brahma. Tenembaum informou também que as recentes oscilações do dólar não têm reflexos sobre a AmBev em razão da política de operações de hedge. Com relação ao PIB, ele informou que também não há reflexos nos negócios, embora uma atividade econômica aquecida seja favorável ao consumo de bebidas. Por enquanto, a empresa não alterou as projeções de investimentos para 2006. O executivo participa nesta manhã participa hoje do evento Destaque Empresas, realizado pela Agência Estado para premiar as melhores companhias abertas de 2005.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.