Reavaliação valoriza ações de bancos na Bovespa

As ações dos bancos registram uma boa valorização esta manhã na Bolsa de Valores de São Paulo. Por volta das 11 horas, três das oito maiores altas do índice Bovespa estavam com instituições financeiras: Itaú subia 3,05%, Unibanco Unit, 2,60% e Bradesco, 2,34%. O Ibovespa registrava alta de 0,93%, a 43.129 pontos, às 11h06. O banco de investimentos Bear Stearns elevou a recomendação para as ações do Itaú, Banco do Brasil (BB), Unibanco e Itaúsa, de "média de mercado" para "acima da média", citando perspectiva de alta para essas ações ao longo do ano. Em relatório, os analistas Jason Molin e Paulo Ribeiro também citam queda média de 12% nas ações do setor bancário, no acumulado desde 7 de fevereiro, para justificar a melhora do preço-alvo do BB, de R$ 82,75 para R$ 85,25; do ADR do Itaú, de US$ 42,51 para US$ 46,00; e do Unibanco, de US$ 105,93 para US$ 113,95. No caso da Itaúsa, porém, o preço-alvo foi reduzido de R$ 14,11 para R$ 13,78, sendo que atualmente o papel é negociado com desconto de 20% em relação ao valor patrimonial líquido (NAV) da empresa. Em seus cálculos, os especialistas também incorporaram o valor de mercado corrente de outras partes da Itaúsa - Duratex, Itautec, Elekeiroz e BPI.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.