FABIO MOTTA/ESTADÃO
FABIO MOTTA/ESTADÃO

Reestruturação do BB e exterior positivo impulsionam Bolsa

Exportadores aumentam oferta de dólar no mercado e moeda registra queda, chegando a R$3,35

Karla Spotorno e Silvana Rocha, O Estado de S.Paulo

21 Novembro 2016 | 13h34

SÃO PAULO - A Bovespa abriu em alta e recuperou o patamar dos 60 mil pontos nesta segunda-feira, 21. Os principais impulsos vêm das ações do Banco do Brasil - maior valorização da carteira Ibovespa - e também da Petrobrás - a mais negociada até o momento. O petróleo, as bolsas na Europa e os índices acionários futuros em NY em alta ajudam nesse contexto. 

A boa recepção de analistas e investidores à reestruturação do Banco do Brasil, explicitada hoje em entrevista à imprensa, é traduzida na valorização das ações da instituição. As ONs abriram em alta de 6,24% e seguem acima de 5% neste momento. O Credit Suisse, em comentário, ressalta que essas mudanças reforçam o compromisso da gestão de otimizar o capital e rentabilidade no longo prazo. 

Por outro lado, o dólar acumula perdas. Às 13h24, a moeda era cotada a R$3,35, com queda de 0,99%. Segundo o superintendente da Correparti, Ricardo Gomes da Silva, há muito exportador vendendo moeda em espécie no mercado à vista. Além disso, esses players também estão reduzindo exposição comprada no mercado futuro, disse um operador de outra corretora. Para Silva, a justificativa dessa movimentação é de que o Banco Central sinalizou ao mercado, ao não fazer hoje oferta de swap cambial novo, que o dólar já caiu demais e não deseja um valor tão baixo. "O BC aliviou a pressão de queda hoje ao não ofertar swap tradicional novo", comentou. Por isso, o exportador se antecipa na venda, prevendo que o espaço de novas baixas pode ser limitado. 

Ações. Mais cedo, a Telefônica Brasil/Vivo informou que estima investir R$ 24 bilhões entre 2017 e 2019. Segundo a Coinvalores, em comentário, o plano para o triênio "reforça a tese de baixa necessidade de capex frente a sua geração de caixa, abrindo espaço para o elevado pagamento de proventos aos seus acionistas ser mantido". A corretora lembra que em 2014 o capex foi de R$ 11,1 bilhões, de R$ 8,3 bilhões em 2015 e deve ficar em torno de R$ 8 bilhões em 2016. 

Às 10h30, o Ibovespa subia 0,84% aos 60.484,79 pontos. A ON do Banco do Brasil subia 5,37% e a PN da Petrobras, + 2,75%. Perto desse horário, a PN da Telefônica/Vivo avançava 0,90%.

Mais conteúdo sobre:
Dólar Banco do Brasil Mercado Aberto

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.