Santander aprova hoje reestruturação do grupo no Brasil

Os acionistas das instituições do Santander aprovam hoje a reestruturação societária do grupo no Brasil. Atualmente, a estrutura é formada por quatro bancos separados - Santander Meridional (hoje presente no Soma), Santander S/A, Santander Brasil e Banespa (o único listado na Bovespa). Todos eles serão unificados sob a bandeira Santander Banespa - que terá capital aberto e ações negociadas na Bolsa paulista. O diretor de Relações com Investidores será Ramon Sanchez Diez. O objetivo é unificar a marca no Brasil, simplificar a estrutura societária e reduzir custos.Pela operação, o Meridional irá incorporar as demais instituições, para depois mudar de nome. A relação de troca para os acionistas do Banespa será de uma ação para 2,24 papéis do novo banco.Quem não concordar com a transação, pode exercer o direito de retirada, no valor de R$ 133,76 por lote de mil. No entanto, as ações do Banespa são negociadas na casa de R$ 350,00 por lote. Esses papéis continuarão no mercado até a aprovação do Banco Central.

Agencia Estado,

31 de agosto de 2006 | 11h21

Tudo o que sabemos sobre:
empresas

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.