Santander estuda emissão entre US$ 500 mi e US$ 1 bi em bônus

 Programa de emissão no exterior inclui a agência do banco em Grand Cayman

Agência Estado,

24 de março de 2010 | 11h36

O Banco Santander (Brasil) atualizou o programa de emissão de bônus no exterior denominado Global Medium Term Note Program, ou "Programa MTN" no valor de US$ 3,5 bilhões. Além disso, a diretoria do banco considera uma possível emissão de cerca de US$ 500 milhões e até o limite de US$ 1 bilhão sob o programa.

 

A informação consta de ata da reunião da diretoria executiva, ocorrida ontem, dia 23. O programa de emissão no exterior inclui a agência do banco em Grand Cayman.

Tudo o que sabemos sobre:
Santanderbônus

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.