Secretário-geral da OPEP afirma que grupo não fixou meta de preço de petróleo

O secretário-geral da Organização dos Países Exportadores de Petróleo (OPEP), Abdalla Salem el-Badri, afirmou hoje que o grupo não fixou uma meta de preços de petróleo. Ele também pediu que os exportadores da região do Golfo continuem a investir em exploração e produção, mesmo com a queda dos preços.

Estadão Conteúdo

14 Dezembro 2014 | 12h45

Os comentários de el-Badri foram feitos após os preços de petróleo caírem ao menor patamar em cinco anos na sexta-feira. Esse foi o primeiro pronunciamento do líder da OPEP desde que o grupo decidiu manter os níveis de produção inalterados, no mês passado. El-Badri negou interpretações de que a decisão tenha como objetivo prejudicar os Estados Unidos, o Irã ou a Rússia.

O secretário-geral da OPEC afirmou não estar preocupado com os países do Golfo, mesmo com a perspectiva de redução de recursos aos governos no ano que vem. No entanto, ele afirmou que esses países precisam continuar investindo na exploração e produção de petróleo, para que os preços não voltem a subir. Fonte: Dow Jones Newswires.

Mais conteúdo sobre:
PetróleoOPEP

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.