Sem tendência definida, Bovespa passa a cair

Apesar da queda da Bolsa, siderúrgicas se mantém em território positivo; Usiminas é destaque

Luciana Collet, da Agência Estado ,

28 de outubro de 2010 | 13h19

A Bovespa abriu em alta em ligeira alta nesta quinta-feira, 28, mas perdeu o fôlego e passou a operar com volatilidade. Vários papéis mantêm a trajetória de recuperação, com destaque para as siderúrgicas. Balanços corporativos divulgados entre a noite de ontem e a manhã de hoje influenciam os negócios com diversos papéis, como é o caso de Redecard, que encabeça as baixas do Ibovespa.

Às 15h44, o Ibovespa registrava queda 0,09%, aos 70.502 pontos. O giro financeiro era de R$ 4,3 bilhões, com previsão de R$ 8,84 bilhões para o encerramento. As bolsas de Nova York também chegaram a registrar ligeira recuperação, mas não conseguiram sustentar a tendência. Há pouco, Dow Jones caia 0,34% e S&P 500 registrava baixa de 0,15%.


As ações da Vale que iniciaram a sessão em alta, reagindo aos dados do balanço do terceiro trimestre da companhia, quando apresentou o melhor desempenho trimestral de sua história, com recordes de lucro líquido, Ebitda, lucro operacional, receita operacional e margem operacional. Mas foram perdendo o fôlego e passaram a cair. Há pouco Vale PNA recuava 1,19%, enquanto a ON perdia 1,12%.


Analistas de mercado já esperavam números recordes, mas destacam que o crescimento das vendas de minério de ferro e pelotas superou as expectativas. Ressaltam também o expressivo aumento de preço.


As siderúrgicas também registram alta, recuperando-se da forte desvalorização verificada no último período. Usiminas tem alta de 4,09%% na ação PNA e de 1,74% na ON, ambas na lista das maiores altas do Ibovespa. Gerdau também figura no ranking, com Gerdau PN (3,53%) e Metalúrgica Gerdau (3,15%). CSN ON sobe 2,23%.


Petrobrás começou o dia em território positivo, mas inverteu a tendência. As PN tinham queda de 0,27% e as ON, 0,66%. Hoje o petróleo registra leve queda na Nymex eletrônica, com o barril cotado a US$ 81,70 (-0,29%).

Tudo o que sabemos sobre:
bolsaIbovespaRedecard

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.