S&P coloca ratings da Camargo Corrêa Cimentos em crediwatch negativo

A agência de classificação de risco Standard & Poor's Ratings colocou hoje os ratings da Camargo Corrêa Cimentos em CreditWatch negativo. A empresa agora acompanha sua controladora, a Camargo Corrêa, que entrou para a lista ontem. Na noite de quarta-feira, a Camargo Corrêa anunciou que firmou um acordo para adquirir 22,17% da participação que a Teixeira Duarte Engenharia e Construções detém na Cimpor Cimentos de Portugal, por aproximadamente 970 milhões de euros.

Agência Estado,

12 de fevereiro de 2010 | 09h37

 

Em relatório, a agência afirma que continuará a monitorar como a transação vai evoluir e as potenciais implicações financeiras e de negócios que poderá ter sobre ambas as empresas. Ontem, no final da tarde, a companhia brasileira informou a compra de mais 6,5% da Cimpor que pertenciam a Bipadosa.

 

Os ratings de ambas as empresas foram colocados em CreditWatch em 14 de janeiro deste ano. "Apesar de permitir que a CCSA mantenha o controle dos fluxos de caixa da CCC e proporcionar uma parcela do fluxo de dividendos da Cimpor, acreditamos que um eventual aumento na dívida para financiar a aquisição poderá deteriorar as métricas de crédito da CCSA - já agressivas para a sua categoria de rating", afirma a S&P.

 

A agência reconhece, porém, que a CCSA apresenta uma posição de caixa adequada e se favorece de ativos secundários que poderão ser vendidos para incrementar a liquidez.

Tudo o que sabemos sobre:
S&PCamargo CorrêaCimpor

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.