S&P rebaixa ratings em moeda local da Islândia

A agência de classificação de risco Standard & Poor's reiterou os ratings de crédito soberanos em moeda estrangeira BBB- de longo prazo e A-3 de curto prazo da Islândia. No entanto, a S&P rebaixou os ratings em moeda local de longo e curto prazos para BBB/A-3, de BBB+/A-2. Todos os ratings têm perspectiva negativa.

Danielle Chaves, da Agência Estado,

30 de março de 2010 | 12h10

 

"A reiteração dos ratings em moeda estrangeira reflete nossa opinião de que a perspectiva financeira de curto prazo da Islândia se estabilizou desde que o eleitorado amplamente rejeitou uma legislação no início de março que exigiria que o país compensasse a Holanda e o Reino Unido por suas despesas com seguro de depósito depois da falência do banco online islandês Icesave", disse Moritz Kraemer, analista da S&P em relatório.

 

A agência afirmou acreditar que as autoridade vão optar por mater os controles de câmbio por mais tempo do que o previsto quando eles foram implementados, depois que o sistema bancário islandês entrou em colapso, no fim de 2008. Segundo a S&P, isso deve ajudar a preservar a liquidez externa que poderia, de outra forma, ser pressionada pelo provável adiamento de desembolsos futuros do Fundo Monetário Internacional (FMI) e de governos nórdicos.

 

"No entanto, controles de câmbio não serão uma solução de longo prazo para a frágil situação de liquidez externa da Islândia", observou Kraemer. "Eles provavelmente vão progressivamente pesar sobre as perspectivas para os investimentos, o que nós acreditamos ser cruciais para a recuperação econômica", acrescentou. As informações são da Dow Jones.

Tudo o que sabemos sobre:
IslândiaratingS&P

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.