Werther Santana/ Estadão
Werther Santana/ Estadão

Termômetro Broadcast Bolsa: Expectativa de alta para Ibovespa desacelera, mas segue majoritária

Entre os participantes, 60,00% disseram que a próxima semana deve ser de ganho para a Bolsa, ante 64,29% na pesquisa anterior

Redação, O Estado de S.Paulo

03 de junho de 2022 | 21h00

A expectativa de alta para o Ibovespa no curto prazo desacelerou no Termômetro Broadcast Bolsa desta sexta-feira, 3, mas continua sendo majoritária. Entre os participantes, 60,00% disseram que a próxima semana deve ser de ganho para a Bolsa, ante 64,29% na pesquisa anterior. Os que esperam estabilidade são 26,67% e queda, 13,33%. No último Termômetro, 21,43% e 14,29% viam variação neutra e baixa para as ações na atual semana, respectivamente. 

O calendário de indicadores entre os dias 6 e 10 de junho traz em destaque, no Brasil, a divulgação do IPCA de maio, na quinta-feira, 9, que pode ajudar o mercado a ajustar sua expectativa para o ciclo de aperto monetário, faltando uma semana para a reunião do Copom em 15 de junho. "O IPCA de maio deve apresentar alta de 0,58%. A despeito do impacto baixista da bandeira tarifária verde sobre os preços de energia elétrica, os núcleos devem continuar pressionados em todas as métricas", avaliam os economistas do Bradesco. Na sexta-feira (10), será divulgada a Pesquisa Mensal de Comércio (PMC). 

As atenções estarão voltadas também a Brasília, onde o Congresso discute medidas de desoneração tributária que resultem em alívio para a inflação. O projeto que limita a 17% a alíquota de ICMS sobre energia, combustíveis, transporte público e telecomunicações, aprovado na Câmara, aguarda votação no Senado.

Também na quinta (9), o ponto alto da agenda internacional é a reunião do Banco Central Europeu (BCE). A percepção é de que a autoridade monetária não deve ainda mexer na taxa de juros, mas sim preparar o terreno para iniciar o ciclo de aperto no encontro seguinte, em julho. 

O Termômetro Broadcast Bolsa tem por objetivo captar o sentimento de operadores, analistas e gestores para o comportamento do Ibovespa na semana seguinte. A ideia é mostrar para o leitor a percepção dos profissionais - e não das instituições financeiras - a partir da resposta para pergunta: Qual o sentimento para o Ibovespa na próxima semana? As alternativas apresentadas são de variação positiva, negativa ou neutra. 

A pergunta é enviada às quintas-feiras e as respostas devem ser encaminhadas até as 14h30 da sexta-feira. Após o encerramento do período, o departamento de Dados do Broadcast calcula o porcentual obtido a partir de cada uma das opções apresentadas pelo Termômetro. As respostas individuais dos participantes ficam em sigilo e os jornalistas não têm acesso a elas. A publicação dos resultados é feita nos serviços em tempo real do Broadcast às sextas-feiras.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.