Werther Santana/ Estadão
Werther Santana/ Estadão

Termômetro Broadcast Bolsa: Mercado ajusta otimismo e previsão de alta perde espaço 

De acordo com o levantamento, a previsão de ganhos para a Bolsa na semana tem 50% das respostas, contra 72,73% no Termômetro anterior

Redação, O Estado de S.Paulo

06 de maio de 2022 | 21h00

O mercado financeiro reduziu o otimismo sobre o Ibovespa para próxima semana, segundo o Termômetro Broadcast Bolsa, mas a expectativa de alta continua prevalecendo entre os participantes. De acordo com o levantamento, a previsão de ganhos tem 50,00% das respostas, contra 25% da fatia que espera perda e 25% da que acredita em variação neutra. No Termômetro anterior, 72,73% diziam esperar avanço para a Bolsa nesta semana; 18,18%, estabilidade; e 9,09%, queda. 

A agenda da próxima semana no Brasil traz em destaque a divulgação da ata do Comitê de Política Monetária (Copom), após a elevação da Selic na quarta-feira para 12,75% ao ano. O mercado estará atento a pistas sobre o plano de voo da autoridade monetária, que no comunicado da reunião do dia 4 já sinalizou que o ciclo de aperto da Selic será estendido. 

Outro ponto de atenção será o IPCA de abril, na quarta-feira, 16, que no acumulado em 12 meses deve superar 12% na avaliação dos analistas, ante os 11,3% até março. "A despeito do impacto baixista da bandeira verde sobre os preços de energia elétrica, os preços de alimentos e os componentes de núcleo devem continuar pressionando o indicador", avaliam os economistas do Bradesco, que projeta taxa mensal de 0,98%, ante 1,62% em março. Haverá ainda divulgação de dados de atividade, entre eles de varejo e serviços, na terça e na quinta.

A inflação também será destaque no exterior na quarta-feira, quando será conhecido o índice de preços ao consumidor nos Estados Unidos. A semana contempla ainda uma série de discursos de dirigentes dos Federal Reserve, que serão acompanhados de perto pelo mercado em busca de sinais sobre os próximos passos da política monetária.

A temporada de balanços do primeiro trimestre prossegue na semana que vem, com os resultados do Itaú, Banco do Brasil, JBS, entre outras companhias que integram a carteira teórica.

O Termômetro Broadcast Bolsa tem por objetivo captar o sentimento de operadores, analistas e gestores para o comportamento do Ibovespa na semana seguinte. A ideia é mostrar para o leitor a percepção dos profissionais - e não das instituições financeiras - a partir da resposta para pergunta: Qual o sentimento para o Ibovespa na próxima semana? As alternativas apresentadas são de variação positiva, negativa ou neutra. 

A pergunta é enviada às quintas-feiras e as respostas devem ser encaminhadas até as 14h30 da sexta-feira. Após o encerramento do período, o departamento de Dados do Broadcast calcula o porcentual obtido a partir de cada uma das opções apresentadas pelo Termômetro. As respostas individuais dos participantes ficam em sigilo e os jornalistas não têm acesso a elas. A publicação dos resultados é feita nos serviços em tempo real do Broadcast às sextas-feiras.  

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.