Werther Santana/ Estadão
Werther Santana/ Estadão

Termômetro Broadcast Bolsa: Previsão de alta do Ibovespa ganha força, mas de queda avança

Entre os participantes, as estimativas de avanço e de queda para o Ibovespa na próxima semana representam 69,2% e 15,4%, respectivamente; cenário político do Brasil deve continuar no foco do mercado

Redação, O Estado de S.Paulo

10 de setembro de 2021 | 21h00

A expectativa de alta para as ações no curtíssimo prazo ganhou terreno no Termômetro Broadcast Bolsa desta sexta-feira, ao mesmo tempo em que também avançou a percepção de baixa. Entre os participantes, as estimativas de avanço e de queda para o Ibovespa na próxima semana representam 69,23% e 15,38%, respectivamente, contra 61,54% e 7,69% no levantamento anterior. Os que acreditam em estabilidade são também 15,38%, porcentual bem aquém da última pesquisa, quando a projeção de variação neutra representava 30,77%. Hoje, o principal índice da Bolsa brasileira (B3) fechou a semana com queda de 2,26%.

A próxima semana tem agenda doméstica dominada por indicadores de atividade, mas é a questão política que deve seguir mais no foco. A "Declaração à Nação" emitida pelo presidente Bolsonaro teve efeito limitado no mercado, que permanece desconfiando da real disposição dele ao diálogo com o Judiciário. Há expectativa ainda em torno de uma solução para o caso dos precatórios e dúvidas sobre o andamento das reformas, com a tributária e administrativa na linha de frente.

No calendário macroeconômico, sai na terça-feira a Pesquisa Mensal de Serviços (PMS) de julho e, na quarta, o Índice de Atividade Econômica do Banco Central (IBC-Br). "Esperamos que a atividade econômica tenha registrado avanço no início do terceiro trimestre, em linha com a expectativa de crescimento do PIB, na margem, no mesmo período", diz o Bradesco, em relatório.

No exterior, a agenda é fraca. Os sinais vitais da economia americana continuarão no radar, em meio às incertezas sobre o impacto da variante Delta. Estão previstos o índice de inflação ao consumidor norte-americano em agosto e vários dados econômicos da China.

O Termômetro Broadcast Bolsa tem por objetivo captar o sentimento de operadores, analistas e gestores para o comportamento do Ibovespa na semana seguinte. A ideia é mostrar para o leitor a percepção dos profissionais - e não das instituições financeiras - a partir da resposta para pergunta: Qual o sentimento para o Ibovespa na próxima semana? As alternativas apresentadas são de variação positiva, negativa ou neutra.

A pergunta é enviada às quintas-feiras e as respostas devem ser encaminhadas até as 14h30 da sexta-feira. Após o encerramento do período, o departamento de Dados do Estadão/Broadcast calcula o porcentual obtido a partir de cada uma das opções apresentadas pelo Termômetro. As respostas individuais dos participantes ficam em sigilo e os jornalistas não têm acesso a elas. A publicação dos resultados é feita nos serviços em tempo real do Estadão/Broadcast às sextas-feiras.

Para participar do Termômetro Broadcast Bolsa, envie um email para projecoes.ae@estadao.com.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.