Tivit convoca assembleia dia 2 de fevereiro sobre resgate de ações

Preço será o mesmo pago na oferta pública de aquisição (OPA), ajustado pela variação da taxa Selic

Agência Estado ,

18 de janeiro de 2011 | 15h18

 A Tivit, empresa prestadora de serviços de TI convoca os acionistas para assembleia geral extraordinária (AGE) no dia 2 de fevereiro para tratar do resgate de ações da companhia, que fechou seu capital na Bolsa. O preço será o mesmo pago na oferta pública de aquisição (OPA), ajustado pela variação da taxa Selic.

No último dia 11 de janeiro a Comissão de Valores Mobiliários (CVM) cancelou o registro de companhia aberta da Tivit, de forma que desde a última sexta-feira (14/01) as ações deixaram de ser negociadas na Bovespa. A companhia já tinha deixado o Novo Mercado da Bolsa em 21 de dezembro.

A controladora da Tivit, a Dethalas Empreendimentos e Participações, esperava comprar todas as ações em circulação no mercado, ou seja, 38.304.446 papéis, correspondentes a 43,04% do capital social. A OPA movimentou R$ 721,2 milhões no leilão de 20 de dezembro, com a negociação de 37.696.592 papéis ao preço de R$ 19,13.

Tudo o que sabemos sobre:
TivitaçõesCVM

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.