Todos os setores apresentam alta na Bolsa de Nova York

O rali das ações norte-americanas ganhou força, produzindo o que poderá ser mais um dia de recorde para o índice Dow Jones. Todos os setores apresentam alta, mesmo os ligados ao petróleo, com os operadores buscando qualquer razão para não perder o movimento de alta. O discurso do presidente do Federal Reserve (Fed, banco central dos EUA), Ben Bernanke, parece ter dado ao mercado exatamente o que ele queria, segundo a agência Dow Jones. Às 16h20 (horário de Brasília), o índice Dow Jones subia 100 pontos, ou 0,85%, para 11.828 pontos. O Nasdaq estava em alta de 1,79%, em 2.283 pontos, e o S&P 500 avançava 0,96%, para 1.346 pontos. Segundo analistas, o ganho de três dígitos do Dow Jones reflete a avaliação dos investidores de que o crescimento econômico vai continuar num ritmo capaz de criar empregos e manter os lucros das empresas. Bernanke disse que, embora espere que a desaceleração no setor de imóveis reduza o crescimento econômico no segundo semestre, os efeitos desta "substancial correção" sobre a economia serão limitados por um bom mercado de trabalho, forte crescimento da renda, por fatores demográficos e pela continuidade das baixas taxas de juros das hipotecas.

Agencia Estado,

04 de outubro de 2006 | 16h34

Tudo o que sabemos sobre:
finanças

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.