Fábio Motta/Estadão
Fábio Motta/Estadão

Top Picks: Pacote chinês deve beneficiar empresas de commodities metálicas 

Medidas de estímulo à economia no País, por conta da covid-19, tendem a impulsionar preços do minério de ferro, gerando boas perspectivas para os resultados de empresas mineradoras e siderúrgicas

Marcia Furlan, O Estado de S.Paulo

29 de abril de 2022 | 21h00

O eventual pacote de medidas de estímulo à economia na China para fazer frente às restrições para combate ao avanço da covid-19 deve ter impacto positivo sobre as empresas de commodities metálicas na bolsa brasileira e ajudá-las a recuperar as perdas recentes. Apenas em abril, as ações da Vale recuaram perto de 10%, CSN e CSN Mineração caíram 17% e 11% respectivamente, e Usiminas, 12%, enquanto o Ibovespa perdeu 7%.

O Politburo, principal órgão decisório da China, anunciou hoje que o governo deverá implementar políticas adicionais com o objetivo de sustentar a economia, além de intensificar esforços para expandir o consumo e fazer investimentos efetivos de forma a impulsionar o crescimento. Isso tudo em busca das metas de crescimento para o ano, que estão longe de ser alcançadas. 

A decisão tende a impulsionar os preços do minério de ferro, em razão do aumento da demanda criada pelas obras de infraestrutura, principalmente, o que gera boas perspectivas para os resultados de empresas mineradoras e siderúrgicas

O head da CM Capital, Nicolas Oliveira, destaca que esse fator, associado ao aumento do dólar causado pela cautela global diante da perspectiva de aperto de juros nos EUA, cria um cenário favorável para o próximo mês. A opinião é compartilhada pelo analista Gabriel Augusto Mollo, do Daycoval, que prevê que a Vale e as outras empresas de commodities metálicas serão beneficiadas e continuarão com uma tendência de alta.

O estrategista de ações da Santander Corretora, Ricardo Peretti, lembra que a Vale oferece neste momento um bom 'ponto de entrada', uma vez que está sendo negociada com um desconto de 25% em relação aos pares globais, porque absorveu rapidamente a deterioração dos fundamentos e caiu fortemente em abril.

Para as produtoras de aço, depois da queda de preços no primeiro trimestre, a Santander Corretora avalia que as margens podem ser mantidas no segundo trimestre, apesar da contínua pressão de custos, graças aos aumentos que começaram a implementar a partir de abril.

Já a analista-chefe do Inter, Gabriela Joubert, afirma que no curto prazo o cenário é favorável às commodities metálicas, mas no longo prazo ela se diz cética quanto ao efeito que o pacote de estímulos da China poderia trazer ao setor. "Os sinais de desaceleração no país asiático seguem fortes e a política de crescimento via investimentos e exportações que funcionou no passado pode não ter mesmo efeito no cenário global atual de guerra, políticas contracionistas, desaceleração de PIB e outros", alerta.

Com relação às recomendações de Top Picks para a próxima semana, a Ágora manteve apenas Vale ON em sua carteira e tirou Caixa Seguridade ON, MRV ON, Petz ON e Suzano ON para colocar Arezzo ON, Banco do Brasil ON, Cemig PN e Movida ON.

A Ativa trocou três ações de sua carteira. Saíram Ambev ON, PetroRio ON e Usiminas PNA e entraram Camil ON, Gol PN e SulAmérica Unit. Permaneceram Inter Unit e Natura ON.

O BB Investimentos substituiu as cinco ações, tirando Alliar ON, Hypera ON, Orizon ON, Randon PN e Taesa Unit e inserindo Kepler Weber ON, Multiplan ON, Petrobras PN, Portobello ON e Trisul ON.

O Daycoval trocou todas as ações também. Entraram Bradesco PN, JBS ON, Natura ON, PetroRio ON e Vale ON no lugar de B3 ON, CSN ON, Equatorial ON, Santander Unit e Suzano ON.

A Elite optou por manter quatro ações em sua carteira - Marfrig ON, Movida ON, Petrorio ON e Vale ON - e trocou Bradesco PN por BrasilAgro ON.

O Inter deixou em sua carteira de maio Banco do Brasil ON, Sabesp ON e Vale ON e trocou GPA ON e Itaú PN por Iguatemi Unit e JBS ON.

A Mirae Asset tirou BB Seguridade ON, CSN ON, Sabesp ON para colocar Banco do Brasil ON, JBS ON e Vale ON. Ficaram Isa Cteep PN e Taesa Unit.

Na MyCap, foram três trocas. Saíram Banco Pan PN, Localiza ON e Neoenergia ON e entraram Even ON, Klabin Unit, Equatorial ON. Porto Seguro ON e Santo Brasil ON ficaram.

A Órama colocou Kepler Weber ON no lugar da Cielo ON e ficou com as demais: CPFL ON, Neoenergia ON, Orizon ON e Telefônica Brasil ON.

A XP manteve na carteira Copel PNB, Itaúsa ON, Petrobras PN e Raia Drogasil ON e trocou apenas CCR ON por Méliuz ON. 

 

 

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.