Tóquio fecha em alta de 0,8% com revisão de lucros

A Bolsa de Tóquio fechou hoje com a maior alta dos últimos nove meses, com a forte procura por papéis de empresas japonesas que revisaram para cima suas perspectivas de lucro, tais como Daiichi Sankyo e Asahi Kasei. O índice Nikkei 225 teve ganho de 0,8%, ou 136,08 pontos, fechando a sessão em 17.519,50 pontos, maior alta desde 7 de abril de 2006, quando o índice atingiu 17.563,37 pontos. Esse resultado mais que recuperou a perda de 106,77 pontos registrada de ontem. Daiichi Sankyo subiu 5,1% depois que a farmacêutica aumentou a estimativa de lucro líquido. Asahi Kasei avançou 4% após ter aumentado também sua previsão de lucro líquido. All Nippon Airways fechou em alta de 4,3% porque também teve crescimento de perspectiva nos ganhos. A Nikko Cordial despencou 15,24%, pois os investidores continuam apreensivos sobre a provável saída da empresa da bolsa. Um comitê de investigação da companhia descobriu que ex-executivos envolveram a empresa num escândalo contábil. O executivo-chefe da bolsa japonesa disse que será decidido em março se a empresa sairá do mercado de ações. Fujitsu caiu 5% depois de ter divulgado uma queda na sua perspectiva de vendas para este ano. As informações são da Dow Jones.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.