Unibanco Corretora indica compra de ações de Bradesco e Itaú

A Unibanco Corretora divulgou sexta-feira relatório de reinício de cobertura de Bradesco e Itaú, com recomendação de compra e preço-alvo (para 12 meses) de R$ 97,00 para as ações preferenciais do Bradesco e de R$ 85,00 para as do Itaú. Considerando os preços de fechamento de quinta-feira, os potenciais de valorização são de 37,0% e 29,4%, respectivamente. Bradesco é o top pick (melhor escolha) no setor, segundo a corretora. A Unibanco Corretora avalia que, por mais que o setor bancário brasileiro tenha se desenvolvido nos últimos três anos, ainda há espaço para crescer muito mais e, enquanto isso, registrar fortes resultados. A analista Tania Sztamfater observa que o Itaú obteve resultados melhores nos últimos trimestres, "graças a sua estrutura operacional: maior exposição de sua carteira de empréstimos a pessoas físicas e expressiva receita de serviços de sua clientela". O Bradesco contra-atacou com "um programa de rígida contenção de custos, que lhe valeu uma melhora radical dos resultados". A casa usou o modelo de dividendos descontados para avaliar o Bradesco e o Itaú. A análise preparou modelos de projeção trimestral em seis anos para apurar o valor dos dividendos - parte do lucro paga em dinheiro pela empresa aos acionistas - que cada um dos bancos pagaria ao longo do tempo, supondo a taxa de pagamento de 35% que os bancos declararam como sua meta de longo prazo. Também incorporou as aquisições recentes dos dois bancos, inclusive a compra do BankBoston pelo Itaú _ a projeção é que a medida comece a agregar lucro por ação a partir do terceiro trimestre de 2007. Para o valor final, a análise tomou o valor patrimonial de cada banco e aplicou um múltiplo de 2,5x, correspondente a uma taxa de crescimento de 9,6% (aproximadamente equivalente ao crescimento nominal esperado a longo prazo do PIB do Brasil). A corretora afirma que um múltiplo nesse nível é conservador, dados os níveis nos quais os bancos internacionais são cotados atualmente. Após o cálculo de custo de capital, a casa chegou ao preço alvo divulgado.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.