Visa divulga planos de reestruturação global e oferta de ações

A Visa apresentou nesta quarta-feira planos de reestruturar sua organização global, criando uma nova corporação pública mundial chamada Visa Inc. Como parte dessa operação, a Visa Europa manterá sua estrutura de associação de bancos membros, pertencente e controlada pelos seus bancos membros europeus e irá tornar-se uma licenciada da Visa Inc. Em comunicado, o grupo afirma ter expectativa de, com o movimento, se posicionar melhor "para atender às necessidades de seus clientes e acelerar o crescimento por meio de melhorias na eficiência organizacional, contemplando determinadas alegações jurídicas que existem em alguns mercados e aumentando acesso ao capital".Para William I. Campbell, presidente do conselho diretivo da Visa International, "este é um grande momento na história da empresa para fazer essa transição. Continuamos a ser líderes na indústria de pagamento, nosso crescimento e nossas estratégias em mercados emergentes são bem-sucedidos e o potencial de crescimento na indústria global de pagamento é imenso".De acordo com a proposta de reestruturação, a Visa Inc. será criada por meio de uma série de fusões envolvendo a Visa Canadá, Visa USA e Visa International. Concluída essa etapa, a companhia pretende iniciar o processo de abertura de capital (IPO), mas ainda não decidiu em que mercados as ações serão listadas. "A oferta pode acontecer daqui em 12 a 18 meses", declarou Peter Hawkins, chefe do comissão de reestruturação da Visa, durante teleconferência.A proposta foi aprovada por unanimidade e recomendada pelos conselhos das seis regiões da Visa e da Visa International. O processo, agora, será submetido à aprovação dos bancos membros Visa e autoridades reguladoras. Com informações do site da empresa e da Dow Jones.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.