Voith Paper investe R$ 4,1 mi em novo processo produtivo em SP

A Voith Paper, divisão do Grupo Voith para o setor de papel e celulose, investiu cerca R$ 4,1 milhões na unidade fabril de São Paulo para implantar um novo conceito de produção de caixas de entrada e produtos de processo similar, em uma área de 1,25 mil metros quadrados. Conforme a empresa, a partir de agora, todas as atividades de construção metálica, usinagem e montagem, que antes eram feitas em espaços diferentes, passam a ser concentradas em um único local, o que confere agilidade e eficiência produtiva."As máquinas construídas não precisam mais ser transportadas para cada uma das células de produção. O início, o meio e o fim do processo são feitos em um único local", explica em nota o presidente da Voith Paper América do Sul, Nestor de Castro Neto. Nessa unidade, será produzida e montada a nova máquina de papel cartão da Klabin, que será instalada na fábrica de Monte Alegre, em Telêmaco Borba (PR).A Voith Paper São Paulo já forneceu máquinas para mais de 50 países. No País, suas máquinas são responsáveis por cerca de 80% da produção de papéis para escrever e imprimir. A unidade sedia ainda o Centro de Competência para fabricação de papéis tissue, um dos cinco do grupo, destinado a atender ao mercado global.

Agencia Estado,

02 de outubro de 2006 | 17h46

Tudo o que sabemos sobre:
empresas

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.