Wall Street abre em alta; revisão do PIB tem pouco efeito

As Bolsas de Nova York abriram em alta. O índice Dow Jones subia 0,20% às 10h33, seguido pelo Nasdaq, em alta de 0,30% no mesmo horário. O PIB dos EUA do segundo trimestre foi revisado para abaixo do esperado (crescimento de 2,6%, previsão era 2,9%). Mas os investidores estão mais preocupados em saber como andará a economia norte-americana no segundo semestre, do que com a confirmação dos sinais de que o processo de desaceleração começou no segundo trimestre. Por isso, observam especialistas, mais interessantes serão os números sobre a atividade industrial na região de Chicago, da Associação dos Gerentes de Compras, que sai amanhã; e o de atividade nacional do Instituto para Gestão da Oferta (ISM), na segunda-feira. As ações da Hewlett-Packard operaram de lado no pré-mercado, apesar do anúncio da companhia de que o conselheiro geral da companhia renunciou por causa do escândalo de espionagem no alto escalão da empresa. Com informações da Dow Jones e de agências internacionais.

Agencia Estado,

28 de setembro de 2006 | 10h38

Tudo o que sabemos sobre:
finanças

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.