Wall Street opera sem direção antes de dados imobiliários

As Bolsas em Nova York operam sem direção definida neste início de pregão, enquanto aguardam os dados do mercado residencial nos EUA (as 11 horas, o indicador de vendas de imóveis residenciais usados de fevereiro). Às 10h45, quinze minutos após o começo das transações no pregão regular, o índice Dow Jones avançava 0,02%, enquanto o Nasdaq cedia 0,03%. A detenção de 15 marinheiros britânicos na costa entre o Irã e o Iraque pela Guarda Revolucionária Iraniana - segundo informação do Pentágono - trouxe um pouco de volatilidade aos índices futuros de Nova York. Pelo lado corporativo, os resultados decepcionantes da Nike atraíram a atenção dos investidores, assim como o setor de biotecnologia. As ações da Amgen caíram 3,4% no pré-mercado, em reação ao anúncio de que suspendeu testes com o medicamento Vectibix após os resultados fracos em pacientes que utilizaram o remédio junto a outros medicamentos e quimioterapia para tratar câncer. Já as ações da ImClone Systems dispararam 22% com a expectativa de que a notícia irá beneficiar as vendas do medicamento Erbitux. As ações da Nike caíram 1,8% após emitir uma previsão de margem bruta suave. A fabricante de tênis registrou um aumento de 8% nos lucros do terceiro trimestre. As ações da Palm recuaram 2,5% após o UBS rebaixar a recomendação da empresa, citando a recente alta nos preços das ações, mesmo com o anúncio de que o lucro da companhia superou as projeções. As informações são da Dow Jones.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.