Abilio Diniz contrata jurista Márcio Thomaz Bastos

O empresário Abílio Diniz, presidente do Conselho de Administração do Grupo Pão de Açúcar, contratou o jurista Márcio Thomaz Bastos para defender os seus interesses contra o sócio francês Casino. O grupo varejista francês se opõe à proposta de fusão do Pão de Açúcar com o Carrefour no Brasil e alega que é um golpe contra o Casino.

AE, Agencia Estado

30 de junho de 2011 | 12h05

Thomaz Bastos foi ministro da Justiça no primeiro mandato do presidente Lula. A informação da contratação de Bastos por Diniz foi confirmada pela assessoria de imprensa do Grupo Pão de Açúcar. Casino e Pão de Açúcar têm cada um 50% da holding Wilkes, que controla da rede brasileira.

O varejista Casino já havia contratado o advogado José Carlos Dias, que também foi ministro da Justiça na gestão Fernando Henrique Cardoso, para defendê-lo. Os dois juristas são especialistas na área criminal e considerados os mais conceituados no Brasil nessa área.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.