Ação da AmBev dispara após acordo da InBev com Bud

Papéis da cervejaria sobem mais de 6% nos primeiros negócios da Bovespa, cotados a R$ 100,40

REUTERS

14 de julho de 2008 | 10h48

As ações da AmBev disparavam mais de 6% logo nos primeiros negócios desta segunda-feira, depois que o grupo do qual faz parte, Inbev, anunciou acordo para compra da norte-americana Anheuser-Busch. Às 10h25 (horário de Brasília), as ações da AmBev subiam 6,36%, cotadas a R$ 100,40. No mesmo horário, o índice Ibovespa subia 1,82%.     Veja também:  InBev compra Bud e cria a maior cervejaria do mundo"Finalmente saiu a notícia de que as empresas fecharam acordo amigável. Então pode haver gente no mercado vendo que a AmBev não terá problemas porque não terá desembolso financeiro com a operação", disse o analista Ricardo Fernandez, da Itaú Corretora. Um operador que pediu para não ser identificado afirmou que nos últimos tempos a ação da AmBev teve desvalorizações, chegando a perder até o patamar de R$ 100. "Então essa alta pode ser vista como uma correção em relação a essas quedas impulsionada pela notícia da conclusão do negócio da InBev lá fora, que chamou a atenção do mercado para a ação".

Mais conteúdo sobre:
ALIMENTOSAMBEVACOES

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.