Ações nos EUA fecham estáveis com ganhos no fim da sessão

O mercado de ações norte-americano reverteu suas perdas em uma onda de compras no final da sessão, encerrando esta terça-feira praticamente estável uma vez que um sentimento geral de otimismo passou a ofuscar os resultados negativos das blue chips 3M e Johnson & Johnson.

ANGELA MOON, REUTERS

25 de janeiro de 2011 | 20h17

Das companhias integrantes do índice S&P 500 que já divulgaram seus resultados trimestrais até agora, cerca de 70 por cento superaram estimativas de analistas, mas recentes preocupações de que a inflação afetaria lucros levaram investidores a focarem em ações de empresas que registram resultados fortes regularmente.

O mercado acionário, no entanto, passou a maior parte do dia em queda. Os papéis da 3M recuaram 2 por cento, para 88,50 dólares, após a companhia divulgar um balanço que pouco superou as previsões de Wall Street. A companhia também alertou que o aumento nos preços de matérias primas deve pressionar seus resultados ainda mais.

No fechamento desta terça-feira, o índice Dow Jones, referência da bolsa de Nova York, recuou 0,03 por cento, para 11.977 pontos. O termômetro de tecnologia Nasdaq subiu 0,06 por cento, para 2.719 pontos. O índice Standard & Poor's 500 teve valorização de 0,03 por cento, para 1.291 pontos.

Tudo o que sabemos sobre:
WALLSTFECHAATUA*

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.