Aérea de Mianmar adquire 2 jatos ERJ-190 da Embraer

A Myanma Airways, companhia aérea nacional de Mianmar, adquiriu dois jatos Embraer do modelo ERJ-190 sob contrato de arrendamento com a empresa de leasing e financiamento GE Capital Aviation Services (Gecas). As aeronaves serão entregues até o fim deste ano.

AE, Agencia Estado

25 de setembro de 2012 | 12h01

Cada E-190 está configurado com 100 assentos em classe única. Os dois E-Jets são parte do plano de modernização da frota da companhia aérea, segundo a Embraer. Além de utilizá-los em rotas domésticas, o alcance dos ERJ-190, de 4.440 quilômetros (2.400 milhas náuticas), permitirá à Myanma Airways voar para novos destinos na Ásia, ainda de acordo com a companhia brasileira.

Mianmar é o segundo maior país do sudoeste da Ásia e vem tendo um aumento contínuo no transporte aéreo, em virtude do crescimento no número de visitantes nos últimos anos, com um acréscimo de 26% em 2010 e 22% em 2011.

Cerca de 200 aviões comerciais da Embraer estão em operação na região da Ásia-Pacífico com mais de 20 operadores, segundo a empresa. A Embraer mantém em Cingapura um escritório corporativo e um centro de distribuição regional, de onde oferece suporte e serviços aos clientes da região.

Tudo o que sabemos sobre:
EmbraervendajatosMianmar

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.