Aftosa: Rodrigues lançará campanha de erradicação no Pará

Brasília, 24 - O ministro da Agricultura, Roberto Rodrigues, lança nesta sexta-feira (26), em Santarém, no Pará, o Projeto-Piloto Brasil Livre de Aftosa. O projeto prevê um conjunto de ações para conscientizar pecuaristas, lideranças comunitárias, autoridades municipais e a população em geral sobre a importância da sanidade animal. As informações são da assessoria de imprensa do ministério. No lançamento oficial do projeto-piloto, o ministro fará um pronunciamento sobre os objetivos da campanha que pretende erradicar a aftosa do País até 2005. O Pará foi escolhido para implantação do projeto por ter o maior rebanho da região, com cerca de 15 milhões de cabeças. O território paraense integra o Circuito Pecuário Norte, juntamente com Acre, Amapá, Amazonas, Rondônia, Roraima e parte de Tocantins. Com exceção de Rondônia e Tocantins, considerados como livres de aftosa com vacinação, os demais estados são classificados como áreas de risco sanitário. Após um período de 34 meses sem registro da aftosa no País, foi notificado um foco da doença neste ano no Pará, no município de Monte Alegre. Uma embarcação do ministério, o barco Boto Tucuxi, vai navegar pelas águas do Amazonas para levar educação sanitária aos ribeirinhos. A tripulação da embarcação-escola - que estará ancorada no porto de Santarém, no Pará, na sexta-feira - é formada por especialistas em educação sanitária. Durante o dia, serão realizadas quatro palestras - duas de manhã e duas à tarde - para alunos carentes das escolas municipais de 1º grau de Santarém. Os técnicos do Ministério da Agricultura e da Agência de Defesa Agropecuária do Pará (AdePará) vão empregar uma linguagem adaptada ao público infantil para abordar temas como febre aftosa e raiva, além de mostrar a importância de combater essas doenças para gerar mais emprego e renda. No sábado (27), após uma viagem de oito horas, a embarcação atracará em Monte Alegre, onde serão feitas outras quatro palestras - às 8h, 9h, 10h e 11h - para alunos da rede escolar municipal. No próximo dia 3 de dezembro, o barco-escola chegará em Oriximiná, onde também serão realizadas exposições para estudantes do ensino fundamental. Durante a passagem do barco, serão promovidas apresentações de grupos folclóricos nos três municípios. O projeto-piloto terminará em 4 de dezembro, quando o barco retornará a Santarém. Depois, começará a segunda etapa do programa no Pará. Nessa fase, a embarcação percorrerá outros 15 municípios do Baixo e Médio Amazonas para mobilizar a população contra a aftosa. As informações são da assessoria de imprensa do ministério.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.