Agronegócios: Alckmin transfere a sede da Apta para Campinas

Ribeirão Preto, 20 - O governador do Estado de São Paulo, Geraldo Alckmin (PSDB), assina na quarta-feira o decreto que transfere a sede da Agência Paulista de Tecnologia dos Agronegócios (APTA) da capital paulista para Campinas. A cidade do interior reúne os principais centros de pesquisas ligados à APTA, motivo apontado pelo governo para adotar a mudança. A sede da agência que centraliza a pesquisa no Estado será no prédio da Coordenadoria de Assistência Técnica Integral (CATI), no qual será realizada também a cerimônia de transferência, na quarta-feira às 14h30. Alckmin assinará ainda, no evento, outros dois decretos relativos à Secretaria da Agricultura e Abastecimento do Estado de São Paulo. O primeiro formaliza a contratação de 201 técnicos e pesquisadores que serão destinados aos seis institutos da Secretaria. Eles foram aprovados em um concurso realizado neste ano que selecionou 382 pesquisadores. Os 171 restantes devem ser chamados até o início de 2005. O último decreto concede uma suplementação orçamentária de R$ 1,3 milhão para a pesquisa agropecuária em São Paulo.

Agencia Estado,

20 de dezembro de 2004 | 11h59

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

  • O Pix é seguro? Veja dicas de especialistas sobre o sistema de pagamentos
  • 13º salário: quem tem direito, datas e como a pandemia pode afetar o cálculo
  • Renda básica: o que é, quais os objetivos e efeitos e onde é aplicada

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.