AIE vê aumento na demanda por petróleo no 4o tri puxado por Ásia

O mundo vai usar mais combustível no quarto trimestre de 2009, estimulando o aumento da demanda global por petróleo pela primeira vez desde o segundo trimestre de 2008, projetou a Agência Internacional de Energia (AIE) nesta quinta-feira.

CHRIS BALDWIN, REUTERS

12 de novembro de 2009 | 10h40

Após uma contração anual na demanda nos três primeiros trimestres, a AIE apurou em relatório mensal que o consumo de combustível está avançando nos últimos três meses do ano.

A agência com sede em Paris elevou sua estimativa para a demanda global de petróleo em 210 mil barris, para 84,8 milhões de barris por dia no ano de 2009, acompanhando a retomada de força da economia mundial.

A Ásia lidera a recuperação do crescimento. Consumidores em países desenvolvidos, onde as economias continuam frágeis, são mais sensíveis à alta dos preços, com sinais de recuo da demanda quando os preços ultrapassam os 80 dólares, disse David Fyfe, diretor da divisão de indústria do petróleo e mercados da

AIE.

"Se os preços continuarem se recuperando, há um risco para a economia global como um todo, mesmo para aquelas economias no Oriente Médio", disse Fyfe.

A demanda de petróleo do próximo ano deve chegar a 86,2 milhões de barris por dia, seguindo dados preliminares mais fortes que o esperado na América do Norte e aumento da demanda em países da Ásia e Oriente Médio não membros da OCDE.

(Reportagem adicional de Christopher Johnson)

Tudo o que sabemos sobre:
COMMODSPETROLEODEMANDA*

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.