Álcool:Brasil assina acordo para desenvolver indústria no Paraguai

Belo Horizonte, 16 - O ministro de Desenvolvimento, Indústria e Comércio Luiz Fernando Furlan anunciou hoje a assinatura de um memorando de entendimento entre Brasil e Paraguai para desenvolver a indústria sucroalcooleira e de biodiesel no país vizinho. O acordo poderá incluir, futuramente, o desenvolvimento da indústria de carros bicombustíveis. De acordo com Furlan, a cooperação vai funcionar tanto na área agrícola (de produção de cana) quanto industrial. As empresas dos dois países vão contar com linhas do BNDES para financiamento de equipamentos e serviços. Empresas de ambos os países vão trabalhar em sinergia para aumentar a produtividade agrícola no Paraguai a patamares equivalentes ao do Brasil. O ministro de Indústria e Comércio paraguaio, Ernesto Bergen, disse que o país quer fortalecer a produção de álcool e biodiesel como uma alternativa ao consumo de outros tipos de combustíveis. Nos últimos dois anos o Paraguai ampliou em 15% o consumo de nafta, um derivado de petróleo.

Agencia Estado,

16 de dezembro de 2004 | 18h12

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.