Algodão: demanda por PEP ultrapassa 80% no quarto leilão

São Paulo, 15 - O quarto leilão de PEP (Prêmio de Escoamento de Produto) de algodão negociou hoje 80,9% da oferta de 10,5 mil toneladas. Não houve deságio sobre o valor de abertura do prêmio, de R$ 6,30 por arroba. Toda a oferta de 5,44 mil toneladas para Mato Grosso. Do total de PEP para 2,5 mil toneladas de algodão da Bahia, foram arrematadas 2.214 toneladas. De Goiás o remate foi de 594 toneladas, contra oferta de 1,47 mil toneladas. Para algodão de Minas Gerais a oferta era de 440 toneladas, com remate de 243 toneladas. Não houve interesse no PEP para 650 toneladas de Mato Grosso do Sul. A Conab divulgou há pouco novo aviso para PEP de algodão na próxima terça-feira, dia 21, com oferta para 10,5 mil toneladas e prêmio de abertura em R$ 6,30/arroba. Mato Grosso continua com PEP para 5,44 mil toneladas, a Bahia terá 2,5 mil toneladas, Goiás terá 1,47 mil toneladas, Mato Grosso do Sul terá 650 toneladas e Minas Gerais, 440 toneladas. O terceiro leilão de PEP, realizado na semana passada, negociou 73,54% da oferta total para 10 mil toneladas, com deságio de 9,5% apenas nos lotes para Mato Grosso, cujo prêmio ficou em R$ 5,70/arroba. O segundo leilão de PEP algodão, realizado no dia 30 de novembro, obteve remate de 50,7% da oferta total para 10 mil toneladas, sem deságio. O primeiro leilão fracassou, no dia 23 de novembro, com remate de 486 toneladas de um total ofertado de 10 mil toneladas.

Agencia Estado,

15 de dezembro de 2004 | 16h14

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.