Alstom diz não ter oferta da GE para compra da companhia

A Alstom afirmou nesta quinta-feira, 24, que não tem conhecimento de uma oferta para a compra da companhia, supostamente feita pela General Electric. "Em resposta à recente especulação na imprensa, a Alstom não tem conhecimento de qualquer oferta pelas ações da empresa", afirmou a companhia, em comunicado.

STEFÂNIA AKEL, Agencia Estado

24 de abril de 2014 | 12h49

A Alstom, que fabrica trens e turbinas para usinas energéticas, acrescentou que "avalia constantemente as opções estratégicas para seus negócios" e que fornecerá mais informações sobre as perspectivas para suas atividades em 7 de maio, quando divulgará seu balanço. A companhia não mencionou a GE no comunicado.

Fontes afirmaram ao jornal francês Le Figaro, porém, que a Alstom estaria negociando com a GE a venda de seus negócios de engenharia energética. Segundo a reportagem, publicada hoje, a Alstom poderia vender seus negócios estrangeiros envolvendo unidades de turbinas de carvão e gás, que representam cerca de 70% da receita do grupo, por mais de 20 bilhões de euros (US$ 27,61 bilhões).

Nesta quarta-feira, 23, a Bloomberg informou que a GE estaria negociando a compra de todas as operações da empresa francesa. Uma porta-voz da Alstom se recusou a comentar o assunto. Os rumores impulsionaram as ações da Alstom, que subiam mais de 12% pouco antes do fechamento dos negócios na Europa. Com informações da Dow Jones Newswires

Tudo o que sabemos sobre:
AlstomGeneral Electricaquisição

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.