Tasso Marcelo/Estadão
Tasso Marcelo/Estadão

Ambev investe mais R$ 25 mi neste ano em fábrica de cerveja em Uberlândia

Aporte se soma aos R$ 708,3 milhões já investidos para aumentar eficiência da produção no Triângulo Mineiro

Suzana Inhesta, correspondente , O Estado de S. Paulo

17 de abril de 2015 | 12h37

BELO HORIZONTE - A empresa de bebidas Ambev investirá mais R$ 25 milhões neste ano na cervejaria estabelecida no município de Uberlândia, na região do Triângulo Mineiro. O aporte, que segue estratégia da companhia de aumentar sua eficiência operacional e a produtividade no País, se junta aos R$ 708,3 milhões aplicados na unidade até o final do ano passado.

De acordo com a empresa, a cervejaria de Uberlândia produz as marcas Skol, Brahma e Budweiser, conta com três linhas de produção, sendo duas para garrafas de vidro e uma para latas, e tem capacidade para produzir 5,8 milhões de hectolitros da bebida por ano. Sua produção atende os mercados de Minas Gerais, Distrito Federal, Goiás, Mato Grosso, Mato Grosso do Sul e São Paulo. A fábrica emprega hoje 436 funcionários próprios e chegou a contratar mais de 2000 trabalhadores durante as obras de construção.

"Produtividade sempre esteve entre nossos principais focos de trabalho. Ao longo dos últimos anos, temos promovido uma forte atualização e modernização de nossas cervejarias. As expansões e as novas cervejarias que construímos já nascem mais eficientes, com o que há de mais moderno em termos de equipamentos e infraestrutura", afirma o vice-presidente industrial da Ambev, Flávio Torres, em nota.


Com a nova fábrica, a Ambev passa a ter quatro cervejarias em Minas Gerais. As outras três estão localizadas nas cidades de Sete Lagoas, Contagem e Juatuba. A empresa também possui oito centros de distribuição direta e 25 revendas no Estado, empregando diretamente, no total, 3.300 pessoas. Nos últimos quatro anos, a fabricante investiu R$ 1,7 bilhão em Minas e só em 2014, gerou R$ 2,1 bilhões em impostos no Estado.

DF e Goiás. Recentemente, a Ambev decidiu transferir a produção de cervejas da fábrica de Gama, no Distrito Federal, para a unidade de Uberlândia (MG) e também para Anápolis (GO). De acordo com a empresa, unidade do Gama produzia 400 mil hectolitros de bebidas por ano. Esse volume foi todo absorvido pelas cervejarias de Uberlândia e de Anápolis que, juntas, têm capacidade para produzir 13,8 milhões de hectolitros de bebidas por ano.

Especificamente sobre a fábrica de Anápolis, a Ambev informou que desde 2010 tem investido R$ 448,6 milhões em expansão e modernização. Atualmente, essa cervejaria tem capacidade para produzir 8 milhões de hectolitros de bebidas por ano, com cerca de 800 funcionários. Além de abastecer todo o mercado de Goiás, a produção de Anápolis também é distribuída para os Estados de Minas Gerais, Tocantins, Mato Grosso, Mato Grosso do Sul, Pará e Distrito Federal. Em Goiás, além da fábrica de Anápolis, a Ambev possui quatro centros de distribuição direta e oito revendas em Goiás e emprega diretamente 1.100 pessoas.

Os investimentos totais da companhia no ano passado no País foram de R$ 3,1 bilhões. Para este ano, conforme comentado na divulgação dos resultados de 2014 e do quarto trimestre de 2014, os aportes totais deverão ficar estáveis. De 2010 a 2014, a Ambev investiu R$ 12,6 bilhões. 

Mais conteúdo sobre:
Ambevnegócios

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.