AMD tem prejuízo de US$ 473 milhões no 4º trimestre

A Advanced Micro Devices (AMD) anunciou nesta terça-feira um prejuízo de US$ 473 milhões, ou 63 centavos por ação, no quarto trimestre de 2012. No mesmo período de 2011, a fabricante de chips havia registrado um prejuízo de US$ 177 milhões, ou 24 centavos por ação. Segundo a empresa, o resultado foi devido à fraca demanda por computadores pessoais.

RICARDO CRIEZ, Agencia Estado

22 de janeiro de 2013 | 21h04

A receita caiu 32%, para US$ 1,16 bilhão, em linha com a projeção feita em outubro pela companhia de uma receita de US$ 1,1 bilhão a US$ 1,21 bilhão. Para o atual trimestre, a AMD espera que a receita tenha redução de 9% ante o quarto trimestre de 2012, para US$ 1,05 bilhão.

A margem bruta, um dado acompanhado de perto pela indústria de fabricação de chips, estreitou drasticamente para 15,4%, ante 45,7% no quarto trimestre de 2011.

A AMD, que produz chips para PCs e servidores, tem visto o seu principal produto sofrer com as mudanças na preferência do consumidor, que estão trocando os PCs por tablets e smartphones. A empresa também reconheceu erros específicos e perdeu participação de mercado para concorrentes como a Intel.

O presidente executivo Rory Read disse que a AMD está focada na diversificação de sua carteira de produtos, à medida que o ambiente dos PCs está mudando.

Na Bolsa de Nova York, as ações da AMD fecharam nesta sessão em queda de 0,41%, acumulando baixa de 23% nos últimos seis meses. No after hours, contudo, após o anúncio do balanço, os papéis da gigante eletrônica apresentavam, às 20h45 (horário de Brasília), uma alta de 1,22%. As informações são da Dow Jones.

Tudo o que sabemos sobre:
AMDbalanço4º trimestre

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.