Anatel aprova venda de ações da Oi em poder do BNDES

O conselho diretor da Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel) aprovou hoje a venda de ações da Oi em poder da BNDESPar, braço de participações do Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social, realizada por meio de leilão em junho passado. Na ocasião, o banco estatal vendeu aos fundos de pensão Petros (dos funcionários da Petrobras) e Funcef (dos funcionários da Caixa Econômica Federal) o equivalente a 14,47% das ações ordinárias da concessionária de telefonia.

LEONARDO GOY, Agencia Estado

21 de outubro de 2010 | 18h05

Com a conclusão do negócio, os dois fundos de pensão passarão a ter, cada um, cerca de 10% de participação na empresa, segundo calculou a conselheira da Anatel Emilia Ribeiro. Já a participação do BNDES será diluída para cerca de 16%.

Tudo o que sabemos sobre:
telefoniaaçõesOiBNDESAnatel

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.