Aneel confirma multas aplicadas a Celesc, Coelba e Celg

Distribuidoras não poderão mais recorrer das multas, no valor total de R$ 4,27 mi

Gerusa Marques, da Agência Estado,

30 de abril de 2010 | 16h25

A diretoria da Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel) decidiu manter três multas, no valor total de R$ 4,27 milhões, para as distribuidoras Celesc (SC) e Coelba (BA) e para a Celg Geração e Transmissão (GO). A decisão da diretoria foi tomada nesta semana ao analisar recursos apresentados pelas empresas contra as multas, que tinham sido aplicadas pela área de fiscalização da Aneel. Agora, não cabe mais recurso no âmbito administrativo da agência.

 

A maior multa, de R$ 2,65 milhões, foi para a Celesc Distribuição, por não ter certificado o processo de coleta de dados e de apuração dos indicadores individuais e coletivos de qualidade. A Coelba foi multada em R$ 1,61 milhão por ter descumprido, em 2008, a meta de indicadores de continuidade. Já a Celg foi multada em R$ 18 mil por ter descumprido o cronograma de obras de reforços na subestação Planalto.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.