ANP antecipa possível mega descoberta da Petrobras

O diretor-geral da AgênciaNacional de Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis, HaroldoLima, disse na segunda-feira que informações "oficiosas" daPetrobras avaliaram que o campo Carioca, na bacia de Santos,teria reservas cinco vezes maiores do que as do mega campo deTupi. "Estamos sabendo por canais não oficiais, oriundos daoperadora, que o prospecto do Carioca, que é chamadointernacionalmente de Pão-de-Açúcar ('sugar loaf') apontariapara reservas cinco vezes maiores do que a reserva de Tupi",disse o executivo. Segundo Lima, o campo teria reservas em torno de 33 bilhõesde barris de óleo equivalente (petróleo e gás), enquanto asreservas de Tupi são estimadas entre 5 e 8 bilhões de boerecuperáveis. "Seria a maior descoberta feita no mundo nos últimos trintaanos, e atualmente o terceiro maior campo de petróleo domundo", afirmou Lima durante apresentação em um seminário noRio. A Petrobras não confirmou a informação e não tinha nenhumexecutivo imediatamente disponível para falar sobre o assunto,mas informou que a área do Carioca fica na camadaultra-profunda pré-sal, onde está Tupi e local considerado deelevado potencial para descobertas. Segundo a assessoria da estatal, Carioca ainda não pode serchamado de campo porque não foi declarado comercialmenteviável. O possível novo campo fica a Oeste do campo de Tupi. Osparceiros da estatal no local são a BG e a Repsol. As ações da Petrobras reagiram imediatamente ao anúncio demais uma mega descoberta. Por volta das 13h10, as ações daempresa subiam 4,5 por cento, depois de terem operado em baixadurante boa parte da manhã, enquanto o Ibovespa cedia 0,7 porcento. (Reportagem de Rodrigo Viga e Denise Luna)

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.