Apenas 20% da bacia Sergipe-Alagoas é vendida em leilão da ANP

Apenas nove dos 44 blocos oferecidos na bacia Sergipe-Alagoas foram arrematados no quarto leilão da 10 rodada de licitações de áreas de petróleo e gás em terra do governo brasileiro. A Petrobras levou três dos blocos ofertados no quarto leilão; a Sinergy, do Panamá mais três, um ficou para a colombiana Integral de Serviços Técnicos (IST), um para a brasileira Nord Oil e outro para a também nacional Severo Villares. A bacia rendeu bônus de assinatura da ordem de 8,3 milhões de reais, e os investimentos previstos são de 35,7 milhões de reais. Por volta das 11h25, ainda restavam os leilões de mais três blocos (Recôncavo, Paraná e São Francisco). Com os leilões das bacias de Potiguar, Parecis, Sergipe-Alagoas e Amazonas, já realizados nesta manhã, o governo arrecadou 58,7 milhões de reais. Na nona rodada de licitações, na qual foram oferecidos também blocos marítimos, o governo arrecadou 2,1 bilhões de reais. (Por Denise Luna)

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.